Canto

 

Hoje abri a minha máquina de costura para cozer duas almofadas. Assim, que a montei (ela está guardada num armário que faz parte de si) soltou-se aquele cheiro a óleo lubrificante do mecanismo que a faz funcionar. Herdei esta máquina de costura da minha mãe. Como, desde pequenina, cresceu comigo a curiosidade em fazer roupas e como este gosto não se perdeu, mas sim o treino, a máquina de costura veio para minha casa quando a minha mãe morreu. Está guardada no sótão da minha casa num canto muito acolhedor no qual eu me sinto muito bem a costurar sempre que é preciso.

Assim que coloco o meu pé direito no pedal e dou balanço à roda com a minha mão direita, imediatamente faço uma viagem no tempo em que o som da máquina de costura me vai acompanhando como se do canto de uma viagem de comboio movido a combustível se tratasse e, após alguns minutos,  encontro-me com a minha mãe naquela varanda no 2º andar da Rua Herbert Gilbert, varanda onde esta máquina de costura trabalhava diariamente.

A minha máquina de costura, hoje

e a viagem no tempo leva-me até aqui, onde a mesma máquina, mais nova e cheia de energia acompanhava a minha mãe que “não tinha mãos a medir”!

6 thoughts on “Canto

  1. Canto muito bonito onde podes matar saudades! Eu só de pensamentos …. porque de máquinas de costura só gosto para decorar e cozer roupa não gosto mas …. saudades … só da mãe.

  2. 🙂 🙂 é verdade! alimento aqui as minhas saudades…
    já cosi as almofadas e ficam bem no sofá.
    Estivemos lá ontem a colocar o resto da “manta” na terra – é pr’a ficar quentinha no inverno 😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s