Um dia de sol

Depois de um dia de chuva intensa, chegou o Domingo, um dia lindíssimo. Não fui só eu que tive vontade de passar o dia ao ar livre…

Onde está a rã?

Um sapinho dormindo ao canto de uma porta. Eu baixei-me, fiz-lhe cócegas na sua pele áspera e seca para o acordar, ele mexeu-se levemente e continuou o seu sono profundo.

 

Agora apresento-vos outra espécie que geralmente também nos arrepia: osgas! pois é, osgas é o que mais existe correndo pelas paredes das nossas casas nas noites de verão! já estou habituada… Este casal estava a apanhar banhos de sol naquele belíssimo dia de outono

Desde miúda que gosto de mexer nestes pequenos animais: aranhiços, lagartichas, rãs. Osgas não, não consigo tocar-lhes! Mas, actualmente, como já interiorizei que elas eliminam as melgas, consigo partilhar o meu espaço com estes animais rastejantes. As osgas salvam-me das melgas!

Advertisements

3 thoughts on “Um dia de sol

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s